Lixo: saiba como separar e descartar da melhor maneira esse material

É importante saber separar o verdadeiro reciclável do não-reciclável

Lixo é um material que, naturalmente, se acumula em casa. Desta maneira, é preciso saber descartar da melhor forma possível e tentar reaproveitar o que for reciclável. Ainda mais em tempos de conscientização quanto ao desperdício. Neste sentido, nesta segunda-feira, dia 24 de janeiro de 2022, o blogue Truques Caseiros vai falar um pouco sobre o assunto.

Continua depois da publicidade

Primeiramente, saiba separar o lixo reciclável do não-reciclável. Caso more em prédio, na própria lixeira normalmente já tem um espaço separado apenas para esses lixos reaproveitáveis. Inclusive, a maioria das prefeituras dispõe de serviços próprios para este material. Assim, o Truques Caseiros tem mais algumas dicas interessantes sobre o assunto.

Veja em seguida: Misturinha caseira barata para esfoliação do rosto usando apenas 2 ingredientes

Continua depois da publicidade

Porém, se morar em uma casa fora de condomínio, também é possível separar, deixando um saco escuro para os recicláveis e um saco mais claro para os lixos comuns, ou vice-versa. Então, os funcionários do serviço de coleta seletiva vão saber qual é um e qual é outro. Ao final, o serviço deles ficará mais fácil.

Agora, precisamos saber o que é um lixo reciclável. Afinal de contas, nem tudo é possível reutilizar. Entre eles está o papel higiênico e as espojas de aço, tipo ‘bombril’. Logo, esse material deve ficar com o lixo comum. Aliás, uma dica é deixar na cozinha um saco para lixo orgânico (restos de comida, por exemplo) e outro para os recicláveis.

Continua depois da publicidade

Lixos que realmente são recicláveis

Atualmente, a indústria dos recicláveis está em alta e itens como caixas de pizza, caixas de sapato, latas e, principalmente garrafas pet, são totalmente recicláveis e reutilizáveis. Desse modo, já os deixe separados em um saco grande para levar à lixeira. Mas, quanto ao papel, uma dica importante é não amassar. Pode-se até dobrar, pois, caso contrário, vai ficar inutilizado.

Veja em seguida: Faça um desmaia cabelo com glicerina, muito rápido e fácil, confira

Por fim, vale separar por itens, como vidro, plástico, papel e ferro, por exemplo, sempre em sacos diferentes. Frequentemente, com a correria do dia a dia, isso nem sempre é viável. Entretanto, assim que for possível, vale a pena perder um pequeno tempo. Depois, quanto ao óleo mineral, separe em latas ou em garrafas pet. Desta forma, poderá doar para algumas instituições que conseguem reaproveitar e até mesmo fazer algum dinheiro com esse material. A seguir, acompanhe um vídeo do canal da ‘Marcela Brito’, com mais algumas dicas pertinentes sobre o descarte correto do lixo caseiro.

Veja em seguida: Jardim suspenso: saiba como fazer e mantenha o espaço em sua casa

comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. aceitar leia mais

Privacidade & Política de Cookies