Top Stores

Geraldo Luís surpreende ao falar sobre quase morte e testamento

Top Stories Sucos com frutas e água de coco: 3 receitas refrescantes e bastante saudáveis, ideal para dias quentes

Geraldo Luís, nesta terça-feira (14), participou do podcast de Reinaldo Gottino “Link Podcast” e contou sobre os momentos de tensão que viveu quando foi diagnosticado com Covid-19 e precisou ser internado às pressas.

Durante o bate-papo, o apresentador revelou que chegou a assinar um testamento, caso fosse vencido pela doença. “A vida é uma travessia. Às vezes a porta será estreita, você vai falar: ‘Não vou passar’. Passa, aguenta, você vai. Então é mais mais um desafio nas nossas vidas, mas estou feliz porque estou vivo”, desabafou o comunicador.

Leia também: Dessa vez Geisy Arruda foi longe demais com nova surpresa para seguidores

Confira ainda: Mel Maia rebola ao som de novo hit do Tik Tok e impressiona internautas

O apresentador do Balança Geral da RecordTV confessou que seu pulmão teve 85% de comprometimento e que na UTI, fez questão de chamar o advogado para que mexesse com a papelada.

Depois que alguém que ouviu, no oitavo dia de UTI: ‘Olha, nós vamos deitar você e você vai dormir três dias. Nós vamos descansar o seu pulmão’. ‘Por quê?’. ‘Porque hoje o seu pulmão bateu 85 [% de comprometimento] . Você está assim por causa de muita droga e a gente precisa deixar você acordado para saber que você vai ter que ficar três dias…‘”, continuou o famoso.

Aí você olha para o seu filho, aí é uma questão de fé e tal. Falei: “Filho, tudo certo?”. “Tá”. “Então assim, se o pai não voltar está aqui”. Liguei para o meu advogado, toquei para a minha irmã. ‘É assim. Se eu voltar, ótimo, tomaremos muitos vinhos, muitas viagens. Se o pai não voltar, já está tudo assinado aqui’”, revelou ele.

Leia também: Esposa de Leo Santana, Lorena Improta fala sobre suicídio e preocupa fãs; veja o vídeo

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News.
Comentários
Loading...