A poupança social digital criada pela Caixa Econômica Federal em abril de 2020, ainda causa dúvidas sobre quem tem direito e como ela funciona. Portanto, nesta quarta-feira, 14 de outubro, explicaremos em detalhes.

Poupança social digital: entenda o que é e como ela funciona
Poupança social digital: entenda o que é e como ela funciona (Foto: Diário Canoas)

Inicialmente criada para agilizar pagamentos do auxílio emergencial, a poupança digital também tem sido utilizada por trabalhadores com direito ao saque do FGTS.

No entanto, esse tipo de poupança não pode ser contratada nem mesmo comparecendo a uma agência da Caixa. Isso porque, o seu objetivo é justamente facilitar o repasse de valores de benefícios aos cidadãos inscritos em programas governamentais.

Ela é aberta gratuitamente e de maneira automática por parte do banco federal, desde que o cidadão possua algum direito a receber através do governo.

Leia mais: Pix no Caixa Tem: veja como fazer o cadastro pelo aplicativo

Poupança social digital funciona exclusivamente pela internet 

Poupança criada para ser de uso simples, a poupança social funciona exclusivamente através da Internet. Ou seja, é a maneira encontrada pela Caixa de fazer com que esses cidadãos, na maioria dos casos considerados como de baixa renda, também possam ter acesso a uma ferramenta digital.

No entanto, a poupança movimentada pelo Caixa Tem possui algumas particularidades que a diferem da poupança oferecida pela CEF aos seus correntistas.

Por exemplo, a poupança social possui um limite de saldo e movimentação mensal máxima de até R$ 5 mil.

Sendo assim, o usuário que extrapolar esses limites terá de mudar da poupança social para a poupança digital, que se trata de um produto totalmente distinto.

Atualmente, o Caixa Tem pode ser utilizado somente por:

  • Inscritos no Cadastro Único;
  • Cadastrados no site ou aplicativo do auxílio emergencial; e
  • Trabalhadores com direito ao saque emergencial do FGTS.

Como movimentar o dinheiro através da poupança social digital

Por ter como principal objetivo o repasse de benefícios a cidadãos de baixa renda, a poupança do Caixa Tem permite alguns tipos de movimentações no modo totalmente digital.

Como por exemplo:

  • Pagamentos de contas através de boletos;
  • Transferência de dinheiro para conta corrente de qualquer pessoa;
  • Pagamentos utilizando cartão de débito virtual pela Internet e também presencialmente;
  • Pagamentos por QR Code; e
  • Saque sem cartão em terminais de autoatendimento, lotéricas e correspondentes Caixa Aqui.

Leia também: Saiba como sacar o FGTS emergencial no caixa eletrônico

A poupança social é paga?

Não. Ela funciona gratuitamente. Contudo, existem limites de operações permitidas por mês para cada usuário.

Pelo Caixa Tem, é possível:

  • Realizar até dois saques por mês de maneira presencial;
  • Até três transferências por mês para conta corrente de outros bancos;
  • Fornecimento de até dois extratos por mês, contendo a movimentação dos últimos 30 dias.
  • Além disso, a poupança social permite transferências ilimitadas para contas da Caixa.

Leia ainda: Entenda como sacar o auxílio emergencial no caixa eletrônico

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui