Na última segunda-feira (15), a correspondente Carolina Miranda utilizou o site oficial da Prefeitura de Cuiabá, capital do Estado do Mato Grosso, para parabenizar a população do município pelo respeito ao decreto que determina o “Toque de Recolher” em prevenção ao COVID-19.

Segundo informações coletadas pelo Tecno Notícias, o prefeito Emanuel Pinheiro se mostrou bastante grato pelo comportamento da população durante os primeiros dias do “Toque de Recolher”. O decreto nº 7.956 foi anunciado na última quarta-feira (10), e busca combater a proliferação da COVID-19, não se aplicando aos trabalhadores de serviços essenciais, como segurança pública e saúde.

Antes mesmo do horário previsto para o início do recolhimento, às 22 horas, ou seja, meia hora antes, já era possível encontrar as ruas da cidade vazias, mesmo que a vida noturna da cidade costumasse ser muito movimentada antes da pandemia.

O “Toque de Recolher” segue até o dia 28 de junho e foi decretado entre os horários 22h30 e 5h, pois consoante o prefeito Emanuel Pinheiro, o horário seria majoritariamente de descanso e mais propenso ao contato social entre a população.

A nota da Prefeitura de Cuiabá também apontou que mais de 22 equipes atuaram na fiscalização das ruas. Essas equipes também receberam o agradecimento do prefeito, que apontou não somente a Polícia Militar, mas também o secretário municipal de Ordem Pública, Leovaldo Sales, como agentes que contribuíram para o absoluto sucesso da ação.

Ademais, conforme informações apuradas pelo Tecno Notícias, outras instituições, além da Polícia Militar, serão responsáveis pela fiscalização do “Toque de Recolher” até o dia 28 de junho, sendo elas as secretarias municipais de Mobilidade Urbana, Ordem Pública e Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável.

Boletim Epidemiológico de COVID-19 em Cuiabá

Segundo o último boletim epidemiológico de COVID-19 divulgado na página oficial do Facebook da Prefeitura de Cuiabá no último domingo (14), o número de infectados pelo novo coronavírus atendidos pelo município era de 2275, sendo 1824 residentes em Cuiabá e 451 de outras cidades.

Já o número de internados é 401, sendo 49 confirmados, em enfermaria, e 106 confirmados, em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). Os demais 246 são casos suspeitos, dos quais 168 ocupam leitos de enfermaria e 78 de UTIs.

Ademais, o último boletim também informou que o número de casos recuperados é 402 e quantidade total de óbitos ocorridos no município é 99, sendo 59 de residentes de Cuiabá e 40 de residentes em outras cidades que foram atendidos na capital.

Encontrou um erro neste artigo ou notícia? Reportar Erro!

Autores

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui