Novo valor do auxílio emergencial – O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), confirmou a provável continuidade do benefício emergencial pelo menos até dezembro. Ou seja, por mais quatro parcelas. Contudo, as dúvidas passam a existir sobre o qual seria esse novo valor. A expectativa é de que a revelação seja feita nos próximos dias.

Nesta última terça-feira (25), Bolsonaro participou de uma reunião com o Ministro da Economia, Paulo Guedes, além de outros integrantes da equipe econômica e do governo para conversar sobre o valor das novas parcelas anunciadas.

Durante abertura do congresso nacional da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), em um hotel de Brasília, o presidente comentou sobre como o Governo Federal vê a sequência do programa emergencial e revelou, ainda, que um anúncio oficial está perto de acontecer.

Finalmente sairá o novo valor do auxílio emergencial
Finalmente sairá o novo valor do auxílio emergencial (Foto: Freepik.com)

Leia mais: Renda Brasil e suas últimas notícias: veja detalhes do novo programa do Governo

Novo valor do auxílio emergencial deve sair nesta semana

Em conversa com jornalistas durante o evento na última noite, Bolsonaro afirmou que é provável que o novo valor do benefício emergencial seja anunciado até sexta-feira, dia 28 de agosto.

O presidente também afirma que é obrigação do Governo fazer a economia voltar à normalidade e que, para isso, entende que o auxílio emergencial tem feito papel importante.

“A gente espera que até sexta-feira esteja quase tudo já definido para nós darmos mais uma ajuda, que é uma obrigação nossa. Não é favor, não, é obrigação nossa ajudar o Brasil a sair da crise que ainda temos e venhamos então voltar à normalidade. No mês de julho agora, o Caged diz que entre demitidos e admitidos tivemos um saldo de 130 mil, isso é muito bom, em parte impulsionado pelo auxílio emergencial. Sabemos disso”, afirmou.

Leia também: Novo valor do Auxílio Emergencial já foi definido? Saiba tudo sobre o assunto

Valor deve ser menor do que os atuais R$ 600

No entanto, a expectativa é de que o novo valor do auxílio emergencial seja menor do que os atuais R$ 600 pagos em cada uma das cinco primeiras parcelas.

Sobre isso, Bolsonaro afirma que o Governo está fazendo sua parte para auxiliar na manutenção de empregos. Mas que o valor das próximas parcelas deve ser inferior.

“Apresentou-se o auxílio emergencial por três meses. Já prorrogamos por mais dois, acaba esse mês. E nós pretendemos prorrogar – pretendemos, né? – até o final do ano, não com este valor que está aí, que pode até ser pouco para quem recebe, mas é muito para quem paga. Quem paga somos todos nós. E não é dinheiro que o governo tem. Isso vem de endividamento. Então, nós estamos negociando”, falou o presidente.

Existe uma projeção, feita pelo senador Chico Rodrigues (DEM-RR), que o valor será 50% menor. Ou seja, R$ 300. Para mulheres que são chefes de família, continuará a ser dobrado.

Leia ainda: Qual será o novo valor do Bolsa Família depois da pandemia? Entenda

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui